Vale a pena trabalhar com confeitaria?

Olá amigos, tudo bem?

Hoje vamos conversar sobre uma dúvida que muitos podem ter. Vale a pena vender doces? Eu mesma quando comecei tinha essa dúvida. Mas vou explicar tudinho pra vocês agora se vale mesmo a pena trabalhar com confeitaria.

Pra começar, o investimento é baixo. Dependendo da área da confeitaria que você vai começar você precisará basicamente de uma batedeira, espátulas, uma bancada ou uma mesa com um bom tamanho e formas. Sobre os ingredientes, você vai comprando aos poucos e fazendo os docinhos e com o dinheiro que entra você compra mais. Quando comecei, eu tinha 100 reais e foi suficiente para comprar tudo o que eu precisava…conforme eu ia ganhando ia investindo em mais material. Lembre-se que antes de tudo a sua área de trabalho precisa estar bem limpa, confira aqui algumas dicas para manter seu ambiente e suas mãos e vestimentas sempre limpas.

Você também precisa se perguntar: Quero ter uma renda extra ou eu amo fazer doces? Porque se for só pra ter uma renda extra e você não gostar de cozinhar ou fazer docinhos ou bolo, é melhor procurar outra forma de ganhar dinheiro, porque meu amigo, não é fácil não! Terá muita louça pra lavar, e você passará bastante tempo no fogão, seja fazendo brigadeiros ou os recheios.

Não pense que pra começar precisa saber muita coisa sobre confeitaria, tendo vontade de aprender já é meio caminho andado! Na internet tem diversos tutoriais e cursos muito práticos  sobre o assunto. Aqui mesmo no blog estou sempre colocando receitas e dicas para ter sucesso nesse ramo, por exemplo, clique aqui para ver uma deliciosa receita de bombom.

Para vender você pode aproveitar as redes sociais que sempre dão um ótimo retorno e o investimento é praticamente zero. Você poder criar uma fanpage para divulgar os doces ou investir em anúncios no Facebook. Se optar por anunciar nas redes sociais, precisará fazer investimento mas é bem pequeno. A partir de 1 real por dia você já consegue ter um anúncio rodando para as pessoas…mas esse é assunto para outro post!

Vou deixar aqui um vídeo com 10 dicas para começar seu próprio negócio de docinhos

Resumindo, se você tiver paixão por aprender, quer ter o próprio negócio, é apaixonado pela confeitaria meu amor, se joga!  Vai sem medo que é sucesso.

Vou deixar aqui dois exemplos de sucesso pra você se inspirar:

Carolina Sales

A empresa de Carolina nasceu de um espírito empreendedor. Já graduada, mestre em Medicina Veterinária, teve a brilhante idéia de aperfeiçoar o brigadeiro de doce popular para iguaria gourmet. O trabalho contou com as dicas de sua avó Dona Cora para dar início aos testes e aperfeiçoar receitas, que as fez com muito amor e dedicação.

Depois de 6 meses vendendo os brigadeiros pela internet e fazendo de sua casa a cozinha de produção, sentiu a necessidade de ter um espaço só para os pequenos brigadeiros, que estavam começando a fazer sucesso no RJ! Então a primeira escolha difícil teve de ser feita; continuar a faculdade de Medicina ou abrir a primeira loja da marca? A primeira loja de brigadeiro gourmet do Rio de Janeiro foi inaugurada em 06 de Janeiro de 2011. Hoje a marca conta com duas lojas, tem como clientes grandes marcas e atende muitas festas e casamentos sempre trabalhando com seriedade e amor ao que faz.

Alzira Ramos

Dona Alzira, de 65 anos e seu marido Cláudio são donos da Fábrica de Bolos, que vende quase 500 produtos por dia. Tudo começou quando ela teve que pedir demissão do trabalho para cuidar de sua mãe, que havia adoecido.

Ela diz que na época teve que usar a criatividade porque, como quase 60 anos quem iria lhe ofertar um emprego? Ela começou trabalhando em casa e sozinha, mas aos poucos o negócio foi crescendo e hoje ela tem uma loja que vende bolos com uma clientela fixa, que faz fila na porta a espera dos bolos fresquinhos!

Inspirador não é? Que tal ser você o próximo caso de sucesso?. Um beijo, e até a próxima!

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *